Os pneus e a segurança vial - 80% dos automobilistas europeus circulam com pneus subenchidos

80% dos automobilistas europeus circulam com pneus subenchidos

Segurança Publicado no 27/05/13 por João

É a constatação alarmante realizada pela Bridgestone após a sua 8ª campanha de controlo dos pneus nos países da Europa Ocidental. Além disso, um quarto dos condutores circulam com pneus usados além do limite legal. Efeito da crise, de acordo com o fabricante. Em todos os casos, esta negligência é responsável por um número importante de acidentes e por um desperdício de combustível e emissões desnecessárias de CO2.

Manutenção de pneus subenchidos 80% dos automobilistas europeus circulam com pneus subenchidos, de acordo com a Bridgestone. - Copyright © : Bridgestone

Como todos os anos, a Bridgestone tira conclusões dos controlos dos pneus que realiza regularmente nos vários países da Europa Ocidental. Estas são pelo menos alarmantes. Dos 28 000 controlos realizados em 2012, constatou-se que 78 % dos automobilistas circulavam com pneus subenchidos, contra 63% em 2011, ou seja um aumento de cerca de 25%.

 

 

 

 

Um efeito da crise económica de acordo com a Bridgestone

Controlo dos pneus pela BridgestoneCopyright © : Bridgestone
Mas isso não é tudo : os controlos revelaram também que um quarto dos condutores tinham pneus usados além do limite legal, contra 20% em 2011, ou seja um aumento também de 25%. Os responsáveis pela investigação atribuem esta evolução à queda do poder de compra inerente à crise económica. Para reduzir as despesas, os consumidores têm tendência em adiar o momento da substituição dos pneus. Pelas mesmas razões, estes utilizam menos o carro e verificam menos o estado dos pneus, nomeadamente a pressão.

 

Na origem de mais de 150 000 acidentes na Europa

Esta situação preocupa o fabricante, que relembra que pneus subenchidos ou usados são perigosos e dispendiosos.  Com efeito, o mau estado dos pneus estaria na origem de 153 000 acidentes na Europa e directamente responsável por 6% dos acidentes mortais na estrada. Sabemos que a falta de pressão prejudica a aderência à estrada e a estabilidade na travagem. Daí um aumento das distâncias de paragem e do risco de aquaplanagem em tempo de chuva. Isto é ainda mais verdadeiro para os pneus usados…

 

Um desperdício de cerca de 4 milhares de litros de combustível

Uma péssima manutenção dos pneus implica custos adicionais para o automobilista e para a colectividade. De acordo com a Bridgestone, um subenchimento de 0,5 bar gera um sobreconsumo de combustível de 2,4 %. No total, o fabricante estima que o subenchimento dos pneus está na origem de um desperdício de 3,9 milhares de litros de combustível por ano e de emissões desnecessárias de 9,2 milhões de toneladas de C02.

 

A regra : controlar o estado dos pneus uma vez por mês

Esta constatação alarmante é uma oportunidade para relembrar que é necessário controlar o estado e a pressão dos pneus uma vez por mês. A pressão recomendada pelo construtor figura no manual do veículo. Esta é também indicada na porta do condutor ou no interior da tampa do depósito de combustível.