Concepção e fabricação do pneu - Como será o pneu do futuro ?

Como é feito um pneu?

Pneu e tecnologia João

Banda de rolamento, lamelas, cinta, tela carcaça… Todos os termos que deve conhecer para perceber a estrutura do pneu.

Pneu gerado por computador O pneu é uma estrutura mais complexa do que parece - Copyright © : All Rights Reserved

O pneu é um produto composto. É uma mistura complexa de borrachas, cabos de aço e fibras têxteis como o nylon ou o poliéster. Estes materiais não são colados mas aliam-se através de uma reacção química conhecida como a vulcanização. Analisamos mais de perto cada um desses elementos. 

 

Folha de estanqueidade

A câmara de ar já desapareceu há muito tempo. Foi substituída por uma folha fina de borracha sintética muito estanque ao ar.

 

Carcaça com aros direitos (ou tela carcaça)

É a estrutura do pneu. É composta de cabos de fibras têxteis dispostos em aros direitos e colados à borracha. Estes cabos são um elemento essencial da estrutura do pneu, vão permitir-lhe resistir à pressão.

 

Talão e cinta

E a moldura do pneu. As cintas servem para apertar o pneu na jante. Podem suportar forças muito importantes.


Enchimento zona baixa (ou zona de montagem).


É a parte do pneu em contacto com a jante. A sua função é garantir a estanqueidade e transmitir as acelerações e as travagens do veículo.

 

Parede

É a parte lateral do pneu. Feitas de borracha flexível, as paredes vão proteger o pneu dos choques que podem danificar a carcaça (choques contra os passeios…). Integram a marcação do pneu.

 

Telas da cinta

Recobrem as telas do topo e permitem estabilizar o perfil do pneu sob o efeito da velocidade e reduzir o aquecimento. Integram cabos, geralmente de nylon, colocados no sentido circunferencial para não esticar sob o efeito da força centrífuga.

 

Telas do topo

Integram cabos de aço finos e resistentes, as telas de topo são cruzadas obliquamente e coladas uma na outra. O cruzamento dos fios com os fios da carcaça desenha uma rede de triângulos que asseguram a rigidez do topo do pneu.

 

Banda de rolamento

É a parte do pneu em contacto com o piso. A banda de rolamento deve resistir a esforços muito importantes. A mistura que a constitui deve ser aderente em todos os tipos de pisos, resistir ao desgaste, à abrasão e deve aquecer pouco.

 

Esculturas

Os canais e sulcos da banda de rolamento servem para evacuar a água do piso. São mais ou menos importantes de acordo com o tipo de pneu.

 

Quem inventou o pneu : Michelin ou Dunlop ?

A primeira fábrica de pneus foi criada em 1889 pelo Escossês John Boyd Dunlop. Foi instalada em Dublin, na Irlanda. Pouco tempo depois, os franceses André e Edouard Michelin desenvolveram o pneu desmontável para bicicleta.

> Para mais informações sobre as marcas Dunlop e Michelin